8 DICAS PARA REALIZAR A VIAGEM DOS SONHOS


Todos têm uma viagem dos sonhos. Alguns desejam desfrutar o que a Europa têm de melhor, outros querem conhecer o nordeste. Quem sabe, passar o Natal em Nova Iorque? E você? Seja qual for a sua viagem tão desejada, organizando as finanças é possível realizá-la, sim! Confira dicas muito valiosas para chegar lá.

Dica 1 – Aproveite as dicas de quem já viveu seu sonho

A experiência das pessoas é ótima fonte de informação, por isso um passo importante antes de viajar é conferir os relatos de quem visitou os mesmos lugares que deseja, elas podem ter dicas valiosíssimas. Existem muitos sites e blogs de viagem que  facilitam demais sua vida, também há boas alternativas como grupos no Facebook, canais do YouTube (muitos com vídeos específicos de cada lugar do mundo), fóruns na internet. Quanto a hospedagem e qualidade de serviços, uma boa referência são as avaliações em sites de reservas e apps de viagem.

Dica 2 – Planejamento

Defina os lugares que quer conhecer, o tempo de viagem e o valor máximo que pode gastar em todo o passeio, pense nos custos de viagem, hospedagem, passaportes etc. Sites e blogs de viagem podem facilitar muito sua vida e ajudar a definir o roteiro. Muitos deles também ajudam com sugestões de como gastar pouco. É importante, também, que você pesquise sobre os hábitos dos lugares, para evitar problemas ou constrangimentos, Países do Oriente Médio e África, por exemplo, possuem leis mais restritivas ao consumo de álcool, às vestimentas femininas ou casais homoafetivos. Lembre-se que o respeito às tradições e leis locais prevalece antes de suas convicções ou seu estilo de vida.

Dica 3 – Coloque limites

Já sabe para onde ir e quanto pode gastar? O próximo passo é estabelecer pequenas metas de gastos para cada tipo de despesa. Inclua nesta lista os gastos com hospedagem, transporte, alimentação, passeios, compras e não se esqueça de incluir custos com passaporte e visto. Caso todos os desejos não caibam no orçamento, corte dias ou priorize lugares que queira visitar pois assim você vai curtir a viagem sem correr o risco de adquirir dívidas.

Dica 4 – Atenção à documentação e os seguros

Em caso de viagem ao exterior, é bom lembrar que passaportes e vistos são essenciais para visitar a maioria dos países e consegui-los requer tempo. Ainda há lugares que exigem que o turista tome vacinas contra doenças comuns na região –sem a injeção você nem sai do aeroporto. Evite péssimas surpresas confirmando a documentação necessária antes de agendar voos e hospedagem.

Outro detalhe importante é fazer um seguro completo de viagem, pois a maioria dos planos de saúde brasileiros não cobre acidentes ou imprevistos médicos no exterior.

Dica 5 – Compre os itens mais caros com antecedência

Recomenda-se que as passagens sejam compradas com antecedência de, no mínimo, 3 meses e, sempre, após muita pesquisa em sites especializados como Melhores Destinos, SkyscannerEdreamsQuando ViajarDecolar.com e Submarino Viagens.

Algo que também pesa muito na conta final é a hospedagem. Se você deseja praticidade e conforto essencial, uma boa ideia é alugar um quarto na casa de um morador local ou ficar em um hostel, que há muito tempo deixaram de ser locais somente para mochileiros. Bons lugares para pesquisar hospedagens deste tipo são sites como AirbnbCouchsurfingHostels.comBooking e HostelWorld.com

Dica 6 – Economize ao máximo antes de viajar

Com todo o planejamento em mãos, roteiro, passagens e hospedagens já definidas, chegou a hora de projetar a forma como financiará sua viagem. Quem já tem o dinheiro guardado, ótimo. Quem ainda não tem, recomenda-se que guarde um pouquinho por mês até a data da viagem, cortando gastos supérfluos do dia a dia. Pouca coisa se compara a sensação de embarcar tranquilo, com tudo quitado. Para desfrutar desta sensação, vale apelar para um plano de emergência e juntar dinheiro. Boas opções são buscar uma renda extra trabalhando como freelancer, ou até mesmo vender algo que não esteja usando.

Dica 7 – Atenção aos detalhes finais

Algumas semanas antes da viagem, lembre-se de checar se o hotel e as passagens estão ok, se os passeios que você planejou estão ativos, e recapitule o valor máximo para gastar por dia (não se esqueça de incluir as gorjetas dos bares e restaurantes). Pesquise opções de transporte público e programas culturais baratos para não fugir do orçamento. Grandes cidades costumam ter uma vida cultural muito ativa, e muitas vezes gratuita, tire um tempinho para ler blogs e sites de viagens, pois eles podem trazer dicas bem interessantes. Na Europa, é possível entrar em vários museus gratuitamente em determinados dias da semana.

Dica 8 – Aproveite, mas sem exageros

Não é porque está fazendo a viagem dos sonhos que você está rico. Estabeleça um plano de gastos estimado e siga o seu planejamento. Muita gente se empolga e passa tudo no cartão de crédito, depois fica torcendo para conseguir pagar, nem que seja ganhando na loteria. Se você quer poupar dinheiro – e evitar fortes emoções, leve dinheiro em espécie, assim conseguirá fazer uma boa economia já que a taxa do IOF cobrada no cartão é de 6,38%, enquanto a do dólar em espécie, por exemplo, é de 1,1%.

Um sonho possível

Sabe aquela viagem tão sonhada? Seguindo as regras citadas acima ela pode muito bem ser realizada. O que você precisa é colocá-la como prioridade, planejar muito bem e fazê-la acontecer. Certifique-se das suas possibilidades financeiras, procure juntar o dinheiro necessário e, uma vez na estrada siga seus planos, sem exagerar para não transformar a viagem em uma dor de cabeça. Comece a escolher o destino e boa viagem!

PREVISC
A PREVISC é uma entidade fechada, sem fins lucrativos, que garante a tranquilidade de seus clientes por meio de planos de previdência complementar.
PREVISC

Autor: PREVISC

A PREVISC é uma entidade fechada, sem fins lucrativos, que garante a tranquilidade de seus clientes por meio de planos de previdência complementar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *